Parceiros
O consórcio do projeto EMBRACE é composto por 10 parceiros europeus
HANZE UNIVERSITY OF APPLIED SCIENCES (Holanda)

A Universidade de Ciências Aplicadas de Hanze (Hanze UAS) é a maior universidade de ciências aplicadas do norte da Holanda e educa profissionais altamente qualificados e envolvidos há mais de dois séculos. A Hanze UAS foi a primeira a fundar uma escola internacional de negócios na Holanda. Além disso, é o único grande instituto de ensino superior do país com uma academia de arte e um conservatório. Quase 30.000 estudantes estudam na Hanze UAS e mais de 8% deles são estudantes internacionais. A Hanze UAS é composta por 19 escolas e possui mais de 3.000 funcionários. Forma profissionais através de mais de 70 programas do 1º ciclo, cursos de pós-graduação e programas de mestrado, em período integral e meio período.

UNIVERSIDADE TÉCNICA DE VILNIUS GEDIMINAS (Lituânia)

A Universidade Técnica de Vilnius Gediminas (VGTU) é uma instituição líder no ensino superior, situada na região do Báltico, em Vilnius, Lituânia. Fundada em 1956, a VGTU tem atualmente mais de 10.200 alunos e desenvolve programas de estudos em 10 escolas: Engenharia Ambiental, Arquitetura, Eletrónica, Ciências Fundamentais, Mecânica, Engenharia Civil, Engenharia de Transporte, Gestão de Empresas, Indústrias Criativas, bem como o Instituto de Aviação, em homenagem a Antanas Gustaitis. A investigação é realizada em 14 institutos de investigação, 3 centros de investigação e 33 departamentos. A Universidade tem uma longa experiência em projetos de investigação e estudos internacionais e tem uma tradição de ensino em inglês:mais de 500 cursos em 15 cursos de graduação e 15 de pós-graduação são lecionados inteiramente em inglês. O número total de estudantes do primeiro ciclo e de intercâmbio no exterior excedeu os 1 000, o que representa 10% de todo o corpo discente. A VGTU é líder na Lituânia no que diz respeito ao número de estudantes que estudam no exterior e pelo corpo docente que leciona no exterior no âmbito do Programa Erasmus +. A VGTU coordenou e participou em programas internacionais, incluindo link UE-Ásia, ALFA III, Tempus, ERASMUS +, Framework 6-7, H2020, Eureka, etc. A universidade está classificada nos rankings de Business & Management Studies (201-250 lugares) e Economia e Econometria (301 a 350 lugares) entre as melhores universidades do mundo.

UNIVERSIDADE DO PORTO (Portugal)

Fundada em 1911, a U.Porto é uma das maiores instituições de ensino superior e investigação em Portugal, com 31.309 estudantes (19% internacionais, incluindo mobilidade), 2.436 docentes e investigadores e 1.576 funcionários administrativos. É uma das instituições de ensino superior mais bem posicionadas no ranking nacional e internacional: Times Higher Education 2018 (401-500); QS 2018/19 (328); Leiden 2018 (145); NTU 2018 (218).

Tem 14 faculdades, 1 escola de negócios e 49 unidades de investigação localizadas em 3 polos, no Porto. A U.Porto é ainda o principal produtor de ciência em Portugal, responsável por 24,8% da produção científica. Garantir um elevado padrão de qualidade no ensino, educação e investigação é de suma importância para a U.Porto, juntamente com seu forte compromisso com a sociedade e com as empresas. A U.Porto tem as suas portas abertas para o mundo, e nos últimos anos tem coordenado e estado envolvida em vários projetos: Erasmus + (mobilidade internacional, mestrados conjuntos, capacitação, parcerias estratégicas) e projetos Erasmus Mundus. Juntos, esses projetos representam uma gestão direta da U.Porto de aproximadamente € 58M, tendo contribuído para reforçar o seu processo de internacionalização e a geração de novas oportunidades de cooperação com instituições de ensino superior de mais de 100 países.

DIGITAL TECHNOLOGY SKILLS LIMITED (Irlanda)

A Digital Technology Skills Limited (anteriormente Creative Change Ireland Limited) foi criada em 2001 e tem sido uma das principais influências no campo da formação, desenvolvimento de gestão e introdução à melhoria de desempenho e medição de impacto na Irlanda.

A empresa é especializada em desenvolvimento de gestão e gestão estratégica de grandes e complexos programas de desenvolvimento de negócios e gestão da mudança nos setores público e privado. Isso incluiu a gestão da rede de formação em serviços financeiros, sob a iniciativa EU ACCEL, a Technology Ireland ICT Skillnet no Programa Skillnet Ireland Training Networks, do Departamento de Educação e Competências, o programa de digitalização PRISM SME, das Câmaras de Comércio da Irlanda, e do Eurochambres Academia de treino.

Em 2004, a empresa geriu a entrega efetiva do projeto ‘Mapping Business Networks on the Island of Ireland’ para a InterTrade Ireland e entregou vários programas importantes para Skillnets, Câmara de Comércio de South Dublin, Autoridade Regional de Dublin, Tallaght Partnership e Chambers Irland. No período de 2005 até à presente data, a empresa liderou, com sucesso, o projeto Technology Ireland ICT Skillnet em nome do Ibec – https://www.ictskillnet.ie/

INSTITUTO DE TECNOLOGIA WATERFORD (Irlanda)

O Waterford Institute of Technology (WIT), o Instituto Superior de Tecnologia da Irlanda, foi criado em 1970. É uma instituição universitária no sudeste da Irlanda, com mais de 10.000 estudantes e 1.000 funcionários. O WIT oferece programas de ensino e investigação em várias áreas, desde os cursos do primeiro ciclo aos programas de doutoramento. O WIT é a principal entidade de ensino superior na região sudeste da Irlanda e um dos maiores institutos de tecnologia (IoTs) do país. A abrangência e o alcance do Instituto refletem as mudanças nas necessidades do sudeste e do país como um todo. O Centro de Desenvolvimento Empresarial e Economia Regional (CEDRE), um centro de investigação no WIT, fornece infraestruturas e o ambiente adequados para que empreendedores, investigadores, académicos e entidades que criam políticas possam envolver-se mutua e complementarmente para apoiar o crescimento económico e o desenvolvimento da região sudeste da Irlanda. O CEDRE interage estreitamente com agências estatais, empresários, indústria, instituições financeiras e redes académicas no plano regional, nacional e internacional. O CEDRE assegura financiamento para investigação, atraindo quase € 12 milhões em programas de investigação desde 2005. Estes incluem vários programas de financiamento, a saber, FP7, European Lifelong Learning, INTERREG IVC, ERASMUS +, Enterprise Ireland, Leonardo, INTERREG 4A, FP6, INTERREG 3A e Strand 1.

BUDAPEST UNIVERSITY OF TECHNOLOGY AND ECONOMICS (Hungria)

A Universidade de Tecnologia e Economia de Budapeste (BME) foi fundada em 1782. Mais de 1300 professores, investigadores e inúmeros especialistas convidados participam do ensino e investigação na estrutura de oito faculdades. Atualmente, o BME atende a mais de 18.000 estudantes em cursos diurnos e quase 8.000 participam de outras formas de educação. A universidade possui programas de inglês completos de BSc / MSc / PhD e atualmente possui estudantes internacionais de mais de 50 países.

A unidade organizacional da BME para transferência de conhecimento, o MTTI (BME Technology and Knowledge Transfer Office), facilita a transferência dos resultados da investigação alcançados na BME para os negócios e a indústria e divulga a cultura de inovação entre os cidadãos e parceiros da Universidade. O objetivo claro do MTTI é servir os cientistas e criar um ambiente no qual as partes se interessem em valorizar os resultados de I&D. O BME Innovation Lab, também conhecido como centro de incubação e aceleração de startups do ecossistema da universidade, também é gerenciado pelo MTTI. O Innovation Lab está sedeado no Demola Budapest, uma plataforma e ambiente aberto de inovação internacionalmente reconhecida, onde equipes multidisciplinares de estudantes criam novas soluções para problemas reais. É uma plataforma na qual estudantes, profissionais de parceiros de projetos e universidades podem colaborar e inspirar-se uns aos outros.

NATIONAL SCHOOL OF POLITICAL STUDIES AND PUBLIC ADMINISTRATION (Roménia)

A Presidência em Políticas de Ciência e Inovação da UNESCO (982) foi criada em 2012 na Escola Nacional de Estudos Políticos e Administração Pública (Roménia). O objetivo a longo prazo da Presidência é fornecer aos criadores de políticas e empresários da região as ferramentas necessárias para desenhar, de maneira consistente e eficaz, soluções para os desafios mais complexos e, com isso, promover o diálogo global sobre políticas de ciência e inovação.

DOMHAN VISION (Alemanha)

A Domhan Vision UG é uma PME e está registrada como uma sociedade limitada pelas autoridades locais em Lübeck, Alemanha. Os objetivos da Domhan Vision (DV) são o planeamento, desenvolvimento e implementação de projetos inovadores, com foco principal em projetos empresariais, desportivos e sociais, incluindo educação, gestão do conhecimento e do ensino por meio de ferramentas de TIC. Além disso, a DV concebe e organiza eventos desportivos, o que representa a sua atividade principal. A Domhan Vision tem dois membros permanentes na sua equipa e um comité de especialistas-chave que colaboram através dos diferentes projetos.

HELLENIC CLOTHING INDUSTRY ASSOCIATION (Grécia)

HCIA is a non profit industrial association representing Greek companies from all sub-sectors of the clothing industry (men, women and children’s clothing, underwear, swimwear, shirts and fashion accessories). HCIA’s activities related to the project are through the management of the Textiles and Clothing Design Lab in Athens, which provides support for:

  • Product design (cad facilities, design software etc.)
  • Small scale product prototyping facilities (in co-operation with the Athens make-lab)
  • Sourcing services
  • Fashion trends, information and analysis
  • Training services for SMEs and young designers (e.g. branding, export marketing, product cost analysis etc.)
  • Social networking (artists, designers, SMEs, retailers, schools, consumers, exhibition organisers, export promoters, heritage foundations, research organisations, etc.)
  • Processing and preparation for clustering and new labs development.

HCIA has considerable experience in managing EU funded projects and its personnel has been involved in a number of projects funded within Erasmus+, Horizon 2020, Interreg MED, Asia Invest and other programmes.

The main role of HCIA in the project is related to evaluation and monitoring of the project’s quality. HCIA will be responsible for updating the quality management and evaluation strategy and ensuring its ongoing implementation. Moreover, HCIA participates together will all partners in the development of the curriculum, the online platform, the testing and the dissemination activities of the project.

DRAMBLYS (Espanha)

DRAMBLYS é uma organização sem fins lucrativos localizada em Espanha. Combina imaginação e investigação sociológica com a criatividade e o design social para abordar, explorar e inovar soluções que contribuam para o desenvolvimento sustentável. Os seus principais programas e áreas de especialização incluem: design e avaliação de programas, visualização de dados, design, desenvolvimento e gestão de inovação social.

A DRAMBLYS aspira a servir como plataforma interativa e ponto de encontro para trocar, projetar, inspirar e promover projetos de inovação social e alternativas criativas, globais e locais. O objetivo é facilitar o diálogo criativo e cocriar alternativas sustentáveis ​​e, assim, inspirar novos empreendedores sociais e líderes comunitários, promovendo modos de vida sustentáveis.